Ingrid Oliveira Bueno da Silva, de 19 anos, foi morta a facadas por um garoto que conheceu jogando online. Guilherme convidou a estudante para ir à casa dele “jogar”, mas lá ela descobriu que ele planejava um ataque e se negou a ajuda-lo. Então o jovem atacou Ingrid e gravou tudo para publicar em uma rede social. Guilherme foi localizado e confessou o crime, dizendo estar consciente de suas ações. Em depoimento, o rapaz justificou a morte dizendo que “ela atravessou meu caminho” e que as respostas de seus ataques estão em um livro-diário que encaminhou para alguns amigos. Acompanhe!

   

Esse tipo de video não é suportado em versões AMP. por favor, acesse a matéria e veja o vídeo:

http://dev.portal.diarioonline.com.br/noticias/brasil/640911/veja-o-momento-em-que-o-assassino-de-ingrid-sol-e-preso-e-debocha-da-vitima

Esse tipo de video não é suportado em versões AMP. por favor, acesse a matéria e veja o vídeo:

http://dev.portal.diarioonline.com.br/noticias/brasil/640911/veja-o-momento-em-que-o-assassino-de-ingrid-sol-e-preso-e-debocha-da-vitima

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS