Quem nunca ouviu um pai ou mãe falando "vou dar para o meu filho o que eu não tive"? Nesse contexto, muitos pais se endividam e deixam até de pagar alguma conta para presentear os filhos. Você sabia que o consumismo infantil pode ser gerado por influência dos próprios responsáveis?

Desfralde: como e quando saber que chegou a hora? Que tal aproveitar o Natal, data de intenso consumo, para fazer diferente? Diminuir o presente e aumentar a presença! Esse é o objetivo do projeto "Viver Natal", que visa reunir a família, aliando vivências e memória afetiva.

Fone de ouvido em crianças e adolescentes pode provocar surdez precoce?O BABY DOL conversou com a fotógrafa Tereza Jardim, que coordena o projeto, e traz um bate-papo sobre consumismo e publicidade infantil, além de aproveitar a época para promover a interatividade entre pais e filhos.

Assista:

Veja também:A partir de que idade a criança deve ir ao dentista?Má alimentação infantil pode provocar doenças; veja as consequências e como evitarComo criar um filho emocionalmente saudável?Alimentação infantil: o que fazer quando a criança não come?Bullying na infância e adolescência: Como identificar e combater?Reportagem: Andressa Ferreira (maedobenicio_)Multimídia: Gabriel CaldasCoordenação: Enderson Oliveira

Projeto "Viver Natal" proporciona uma experiência diferente entre pais e filhos. Foto: Tereza Jardim/Divulgação

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS