É para bater

cabelo até 2020. A diva do calypso, Joelma, faz uma sequência de shows no Pará,

incluindo, no dia 31, o réveillon de Altamira. No repertório, músicas de seu

recente EP “Minhas Origens” mescladas ao repertório de toda a sua carreira, já

permitindo ao público vislumbrar o que virá com o DVD comemorativo de 25 anos

de carreira da artista, gravado em novembro e com lançamento previsto para

depois do carnaval.

O circuito

de shows pelo estado começa hoje, 27, com a cantora desembarcando no município

de Baião, para show no Complexo Boca Livre (Avenida Antônio Baião). Amanhã, 28,

tem show em Santa Maria do Pará; domingo, 29, em Tailândia; e na segunda-feira,

30, no Centro de Exposição Cultural (Rua Magalhães Barata) de Barcarena.

O novo

repertório foi lançado ao longo do mês de setembro, uma faixa nova a cada

sexta-feira, começando por “Eclipse de Amor”, depois “Cupim de Coração”,

“Gigantes” e a gospel “Minha Fortaleza”. Joelma anunciou a novidade em suas

redes sociais logo que saiu a última faixa. “Agora o EP ‘Minhas Origens’ está

completo!”, escreveu.

O trabalho

conta um pouco da origem paraense da artista, voltando-se aos ritmos daqui, e

até mesmo de sua adolescência, segundo ela. “Está 100% voltado para minha raiz

e cultura e o que me move é isso, minha cultura e a minha dança. Com este

trabalho queremos levar muita alegria, dança e amor para a galera”, declarou a

cantora ao site “Tô na Mídia”.

DVD

O novo

trabalho mal tinha saído do forno e os fãs já começavam a se movimentar para a

gravação do novo DVD de Joelma, em novembro. Pensado como o projeto que

comemora seus 25 anos de carreira, ele foi gravado em uma casa de shows de

Goiânia e tem as participações de Xand Avião, Lauana Prado e Ludmilla Ferber.

“A parte

mais difícil foi escolher o repertório desses 25 anos”, disse Joelma ao portal

“O Povo Online”. Entre as músicas que marcaram sua carreira e estão no DVD,

foram confirmadas “A Lua Me Traiu”, “Dançando Calypso” e “Doce Mel” -

referências ao tempo que passou junto à Banda Calypso, da qual saiu em 2015.

Ainda

pensando nesse marco, Joelma ainda revelou ao portal que deseja gravar uma

série de shows em diferentes locais, a qual pretende chamar “Joelma pelo

Brasil”. “Quero gravar esse projeto em todas as capitais, mas é uma coisa mais

intimista, só para cem pessoas”, adiantou aos fãs.

Foto: Divulgação

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS