A partir das experiências vividas trabalhando com mulheres em

seu percurso como uma das fundadoras do Aparelho – coletivo de artistas paraenses

que concentra suas atividades no Porto do Sal, a artista Débora Oliveira

realiza no próximo domingo (19) a exposição fotográfica ‘Terra Inundada é o meu

Coração’. O trabalho, construído a partir de fotografias feitas com celular,

terá lugar na sede do coletivo, na Cidade Velha. A entrada é gratuita.

A exposição reúne elementos da pesquisa visual e material feita

com um grupo de mulheres – moradoras e trabalhadoras da região – sobre o

cotidiano nos arredores de um dos locais mais antigos da capital

paraense. Com pouco dinheiro no bolso e muitas ideias na cabeça, Débora Oliveira

desenvolveu uma narrativa a partir de fotografias feitas com dispositivos móveis. O resultado é surpreendente. A artista mostrou às participantes que, mesmo com um celular, é possível

se fazer arte. Manipulando as fotos com um programa de edição também no

celular, o grupo criou uma narrativa ficcional que deu a identidade ao projeto.

Trabalhadoras e moradoras da região portuária são as protagonistas da exposição. Débora Oliveira

“Sabemos que a arte se encontra muitas vezes em um lugar

muito elitizado e não podemos nos conformar com isso. Fizemos tudo a partir do pouco que estava acessível, e esse pouco

se torna muito quando estamos em coletividade, nos colocando como protagonistas

da arte, trazendo juntas essas pessoas que têm relação de pertencimento com o

lugar”, diz.

O projeto foi contemplado pelo edital de Produção e Difusão

Artística da Fundação Cultural do Pará. Para Débora, o resultado final do

trabalho foi fundamental para aumentar a autoestima das participantes e de

todos os envolvidos. “Todas somos amigas e fizemos o trabalho juntas, eu

fazendo as fotos e depois conversando com todas sobre a edição. Queremos

mostrar como as mulheres podem se tornar protagonistas também, mesmo com poucos

recursos é possível alcançar um grande resultado, e a exposição está aí para

mostrar isso. Estamos muito felizes”, diz. A exposição Terra Inundada é o meu Coração terá ainda música ao vivo, com a participação do duo Sinos de Allamanda.

Serviço

Exposição Terra Inundada é o meu Coração

Local: Mercado do Porto do Sal

Endereço: rua São Boaventura, Cidade Velha, Belém

Hora: a partir das 10h

Entrada: gratuita

Conteúdo Patrocinado

MAIS ACESSADAS